CAMPANHA ‘PAPAI NOEL DOS CORREIOS’ TEM PEDIDO INUSITADO NA E.M. FRANCISCO QUIRINO DINIZ EM VISCONDE DE MAUÁ

Natal chegando e com isso é realizada em todo o país a campanha ‘Papai Noel dos Correios’. Em Resende, a Escola Municipal Francisco Quirino Diniz, localizada em Visconde de Mauá, foi a escolhida para receber os presentes da campanha de solidariedade, na última quinta-feira, dia 12. Entre as diversas cartinhas dos estudantes, uma se destacou pelo pedido inusitado da criança ao “padrinho”: uma codorna.

A cartinha com o pedido da ave veio da aluna Ana Clara Diniz Damazio, do 1° ano do Ensino Fundamental da unidade de ensino de Visconde de Mauá. Os professores da E.M. Francisco Quirino Diniz conversaram com os estudantes sobre como seria a chegada do Papai Noel na escola. Eles explicaram que ganhariam presentes, mas precisavam escrever cartinhas com os pedidos para o Papai Noel.

A diretora da unidade, Ana Paula Alvim Messias, contou que os professores acharam o pedido de Ana Clara inusitado, ficaram surpresos e acharam que ela não ganharia a codorna. A diretora também contou como foi a reação da aluna.

– A aluna ficou tão feliz e animada, que começou a rir ao ver que em uma caixinha com furos estava seu pedido ao Papai Noel: uma codorna. Ela tem um jeito diferente de falar do interior e ao ver a codorna ela puxou o sotaque para falar o nome do animal – disse Ana Paula Alvim.

A secretária municipal de Educação, Rosa Frech contou sobre a importância deste tipo de campanha para as crianças.

– A campanha do Papai Noel é importante devido a essa questão da magia do encanto de ter os pedidos das crianças atendidos e também explicar para elas que nem sempre podemos ter tudo o quiser – disse Rosa Frech.

Além de Ana Clara com sua codorna, os colegas de turma também tiveram seus pedidos atendidos como bicicletas, patins, maquiagem, ‘gifts cards’, bonecas, carrinhos e tablets.

Papai Noel dos Correios

A campanha solidária ‘Papai Noel dos Correios’ recebe as cartinhas de crianças que enviam os pedidos diretamente ao Papai Noel e também dos estudantes da rede pública. Após serem lidas, as cartas ficam disponíveis nas unidades dos Correios e os interessados em serem padrinhos devem cadastrar o CPF no site dos Correios ou nas unidades para que os Correios possam acompanhar as entregas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *